SERVIÇOS

Água

Todas as análises de água realizadas no Bachema seguem um procedimento escrito,  intitulado Procedimento Operacional Padrão (POP). Estes procedimentos de análise de água são baseados nos métodos SW846-USEPA, Standard Methods for the Examination of Water and Waswater e em adaptações do procedimento padrão de análise de água utilizados no Bachema da Suiça.

Atendendo integralmente às legislações vigentes, o Bachema oferece aos seus clientes os resultados mais confiáveis para as seguintes matrizes:

Águas Superficiais
Análise de água provenientes de rios, riachos, lagos, lagoas, pântanos etc. Resolução CONAMA nº 357 de 17 de Março de 2005.

Águas Tratadas e Purificadas
Análise de águas provenientes de sistemas de tratamento de água (ETAs), sistemas de osmose reversa, sistemas de destilação de água, sistemas de filtração de água, e outros sistemas utilizados para tratamento de água.

Águas Subterrâneas
Análise de água subterrânea proveniente de poços artesianos, poços de monitoramento de aquíferos onde há influência de aterros sanitários, empreendimentos industriais, projetos de descontaminação e outros. Decisão de Diretoria nº045/2014/E/C/I, de 20 de fevereiro de 2014 – Valores Orientadores para Solo e Água Subterrânea no Estado de São Paulo – 2014.

Efluentes Líquidos Industriais ou Domésticos
Análise de efluentes industriais ou domésticos dentro dos padrões estipulados pela Cetesb, visando subsidiar projetos de estações de tratamento de água, atendimento as Normas Estaduais e aos requisitos das regulamentações vigentes: Decreto N° 8468/76; Resolução CONAMA Nº 430/11.

Água para Consumo Humano e seu Padrão de Potabilidade.
Análise de Água para consumo humano de acordo com a Portaria 2914 de 12 de Dezembro de 2011 do Ministério da Saúde.

Tipos de análises:

  • VOC – Compostos Orgânicos Voláteis;
  • TPH – Hidrocarbonetos Totais de Petróleo;
  • SVOC – Compostos Orgânicos Semivoláteis;
  • Pesticidas Organoclorados e Fosforados;
  • PCB – Bifenilas Policloradas;
  • PAH – Hidrocarbonetos Policíclicos Aromáticos;
  • Metais Pesados;
  • Sais e Ânions;
  • Microbiológicas;
  • Ensaios Ecotoxicológicos;
  • Ensaios de Tratabilidade;
  • Análises Inorgânicas (DBO/DQO entre outros);
  • Metano, Etano, Eteno;
  • Potabilidade.

SERVIÇOS

Amianto

O Bachema possui equipamentos de última geração e profissionais qualificados para a análise de identificação e quantificação dos diversos tipos de amianto, como a crisotila e os anfibólios (amosita, antofilita, tremolita, actinolita), com a metodologia acreditada pelo Cgcre de acordo com a norma ABNT NBR ISO/IEC 17025:2005. Aliás, no Brasil não existem outros laboratórios acreditados pela Cgcre para determinação de amianto (asbesto) em materiais. Foi o único laboratório nacional aprovado com 100% de acerto no exame de proficiência da AIHA – American Industrial Hygiene Association, maior associação de higienistas ocupacionais do mundo.

No Brasil, o amianto pode ser encontrado em diversos tipos de produtos, tais como:

  • telhas, caixas d’água de cimento-amianto;
  • guarnições de freio(lonas e pastilhas), juntas, gaxetas, revestimentos de discos de embreagem;
  • tecidos, vestimentas especiais e,
  • pisos, tintas, forro, isolantes térmicos, etc.

SERVIÇOS

Ar

Os compostos orgânicos voláteis (VOC’s) constituem-se em uma importante classe de poluentes atmosféricos, comumente encontrados na atmosfera ao nível do solo em todos os centros urbanos e industriais, resultado de atividades humanas e processos biogênicos.

Para uma qualidade de controle e monitoramento do ar, o Bachema realiza análises destes compostos em amostras de efluentes gasosos, utilizando o método de cromatografia gasosa com espectrometria de massas (GC-MS).

As análises de ar realizadas no Bachema seguem um procedimento escrito, intitulado Procedimento Operacional Padrão (POP) baseados nos métodos SW846-USEPA e NIOSH.

O Bachema atende integralmente às legislações vigentes e oferece aos seus clientes os resultados mais confiáveis.

SERVIÇOS

Resíduos

O Bachema também realiza análises para caracterização de resíduos sólidos conforme NBR 10.004, permitindo a classificação destes resíduos quanto aos seus riscos potenciais ao meio ambiente e à saúde pública e o seu gerenciamento adequado.
O Bachema, atende integralmente às legislações vigentes e oferece aos seus clientes os resultados mais confiáveis.

Tipos de análises:

  • VOC – Compostos Orgânicos Voláteis;
  • TPH – Hidrocarbonetos Totais de Petróleo;
  • SVOC – Compostos Orgânicos Semivoláteis;
  • Pesticidas Organoclorados e Fosforados;
  • PCB – Bifenilas Policloradas;
  • PAH – Hidrocarbonetos Policíclicos Aromáticos;
  • Metais Pesados;
  • Sais e Ânions;
  • Análises Inorgânicas.

SERVIÇOS

Solo

Todas as análises de solo realizadas no Bachema seguem um procedimento escrito, intitulado Procedimento Operacional Padrão (POP), baseado nos métodos SW846-USEPA e em adaptações do procedimento padrão de análise de solo utilizados no Bachema da Suiça.

O Bachema atende integralmente às legislações vigentes e oferece aos seus clientes os resultados mais confiáveis.

Tipos de análises:

  • VOC – Compostos Orgânicos Voláteis;
  • TPH – Hidrocarbonetos Totais de Petróleo;
  • SVOC – Compostos Orgânicos Semivoláteis;
  • Pesticidas Organoclorados e Fosforados;
  • PCB – Bifenilas Policloradas;
  • PAH – Hidrocarbonetos Policíclicos Aromáticos;
  • SOD – Demanda de Oxidante do Solo
  • Metais Pesados;
  • Sais e Ânions;
  • Ensaios de Tratabilidade e,
  • Análises Inorgânicas.

Visando um atendimento personalizado aos seus clientes, o Bachema realiza também a determinação de Demanda de Oxidante do Solo (SOD) e ensaios de tratabilidade de solo e água, fornecendo resultados confiáveis e de qualidade aos seus clientes.

A oxidação química é uma técnica de remediação de áreas contaminadas amplamente aplicada devido ao seu baixo custo e alta eficiência. Para isto, é necessário o estudo da Demanda de Oxidante do Solo (SOD), que é um parâmetro fundamental para a aplicação desta oxidação química, por esta fornecer a quantidade necessária para oxidação de outros compostos, da matriz do solo, que não sejam o contaminante em estudo.

Nossos clientes, além de empregar nossas análises de água, solo e resíduos para os monitoramentos, podem também empregar nossos ensaios de tratabilidade para o estudo das melhores condições a serem empregadas nas remediações de áreas em estudo.